Vereadores pedem ao Estado maior atenção a segurança pública do Município

por Administrador publicado 12/09/2017 16h00, última modificação 12/09/2017 16h06
Os parlamentares barbosenses vão encaminhar moção, aprovada nessa segunda, como forma de pressionar o Governo do Estado a dar maior atenção a segurança pública do Município.
Vereadores pedem ao Estado maior atenção a segurança pública do Município

Câmara Carlos Barbosa

Vereadores manifestaram preocupação com a situação da segurança pública do Município e região ao elaborar Moção solicitando o aumento do efetivo da Brigada Militar. O Estado do Rio Grande do Sul vem enfrentando dificuldades, principalmente quanto a sua situação financeira, o que tem afetado diversas áreas. No entanto, o direito a segurança pública é uma obrigação do Governo do Estado e deve ser reivindicado.

Alef Assolini, Enio Grolli, Luciano Baroni, Lucilene Marchi e Maria Rosalia Cousseau assinam como proponentes da moção aprovada nesta segunda-feira (11). O objetivo é chamar a atenção as demandas da área da segurança na cidade e pressionar o Estado a enviar reforço ao efetivo policial da Brigada Militar.

Maria Rosalia Cousseau comentou o elevado número de delitos cometidos na cidade, sendo os moradores do interior, os mais prejudicados. Destacou que o efetivo do Município é composto por 11 policiais e que mesmo sendo responsabilidade do Estado, o Município tem feito o que pode para auxiliar no que diz respeito a segurança.

Rosalia defende que essa situação deve ser resolvida através da educação.

Na oportunidade, a vereadora ainda criticou a forma como uma emissora de televisão vem retratando assuntos como tráfico de drogas, violência e prostituição, em uma de suas novelas.

O Vereador Miguel mencionou que já participou de reuniões na Secretaria da Segurança do Estado e que a cidade não é vista como violenta, por esse motivo não tem recebido a devida atenção do órgão.

Para Luciano Baroni, a moção vai demonstrar a insatisfação dos vereadores quanto a situação da segurança no Município. Espera que com a chegada de novos efetivos possa equilibrar esse cenário, no entanto, a Brigada tem trabalhado com dificuldades, utilizando inclusive, uma viatura emprestada.

Apesar de considerar a importância da solicitação, Fabio Dolzan, classificou a moção como “singela” frente ao Governo do Estado. No entanto, enfatizou que a iniciativa ganha forças, por ir de encontro ao anúncio de que o Governo sinalizou o envio de mais efetivo a Serra Gaúcha, em torno de 900 policiais.

O vereador Valmor da Rocha também comentou o aumento da violência e a falta de policiamento no Município.

Afirmando que o Prefeito Evandro Zibetti, já esteve com o Secretário de Segurança, Cezar Schirmer para solicitar o envio de policiais, Alef Assolini explicou que a moção será enviada com o intuito de lembrar que o Município aguarda a solução desta demanda.

Para Assolini o aumento da população já justifica a necessidade de um efetivo maior.

Lucilene Marchi, que também assina como proponente, reforçou as explanações dos colegas e considerou importante a realização deste apelo.

Já Ari Battisti acredita que o aumento do efetivo, somente, não vai oferecer maior segurança a Carlos Barbosa. Para ele é preciso oferecer, aos policiais militares, condições adequadas de trabalho.

A moção foi endossada pelos demais vereadores e será encaminha ao Governador do Estado José Ivo Sartori, ao Secretário Estadual de Segurança Pública, Cezar Schirmer e ao Prefeito Evandro Zibetti, para o reconhecimento dos esforços dos parlamentares barbosenses no aumento da segurança dos munícipes.

Texto: Denise Zwirtes/Assessoria Legislativa.